Como organizar a rotina das crianças depois do feriadão?

Postado em: 11 de março de 2019 às 05:00

O Carnaval é um feriado muito bom não é? Beeeeeemmmm prolongado! Há quem prefira curtir a festa todos os dias, outros preferem descansar, dormir bastante, não se preocupar com horário. Mas uma coisa bem comum que acontece com as famílias nesse período é que a rotina vira uma bagunça. As crianças que tinham seus horários organizados, geralmente ficam com a rotina um pouco atrasada e isso atrapalha diretamente na hora de iniciar o sono noturno.

Mas hoje vou ajudar dando algumas dicas de como reorganizar tudo!

Controlar as sonecas

Cada criança tem seu ritmo, mas uma coisa é quase unanimidade, elas gostam de aproveitar o dia ao máximo, se deixar ficam até tarde da noite brincando e só dormem ou quando os pais mandam ou quando as pescadas viram um sono profundo e totalmente sem intenção. Mas não adianta, tem que ter rotina e até mesmo os cochilos da tarde devem ser moderados, para que a criança não troque o dia pela noite. O sono da tarde é muito importante para o desenvolvimento do seu filho. Mas, como tudo na vida, precisa do equilíbrio.

Estabelecer a rotina

Não adianta, criança é igual em qualquer lugar do mundo. Elas adoram brincar e aprontar, principalmente antes de ir para a cama. Mas não adianta reclamar ou negociar alguns minutinhos. Na hora de colocar o sono em dia é preciso ter pulso firme e uma super organização. A rotina é o que dá ritmo ao nosso relógio biológico. Quando a estipulamos, com horário certo para comer e repousar, fornecemos um andamento ao organismo. São essas escolhas que ajudam no processo de adormecer, pois condicionamos o corpo que aquele é o horário em que os hormônios do sono devem atuar.

Alimentação ideal

Alimentos com muito açúcar podem deixar a criança agitada ou aumentar muito o pico de glicose no sangue, proporcionando mais energia e impedindo o sono. O ideal é oferecer comidas leves e de fácil digestão na hora do jantar. Ingredientes ditos como calmantes ou pouco calóricos podem ser grandes aliados. Cada criança tem um organismo, e cabe aos pais detectarem quais são as melhores opções.

Dormir cedo

Não adianta travar uma guerra com os filhos durante a semana se aos finais de semana e feriados eles ignoram totalmente as regras estipuladas. Nosso relógio biológico funciona em um ciclo circadiano (cerca de um dia, 24 horas). Dessa forma, todos os dias fazemos pequenos ajustes para que o nosso organismo funcione bem durante as 24 horas. Quando quebramos a rotina, pulamos refeições ou atrasamos demais os horários do sono, nosso corpo tem que fazer um esforço para se adaptar novamente.

Desacelerar

Irmãos que dormem no mesmo quarto brincam, conversam e até brigam antes de ir para cama. Essa injeção de adrenalina pode fazer com que o sono demore a chegar. Quando nos aproximamos do horário de dormir,  precisamos mandar para o organismo todas as mensagens necessárias de que o corpo vai sair do estado de vigília e entrar no estado de sono. Além do mais, a história de que, quanto mais atividades os filhos fizerem durante o dia, mais cansados ficarão e, portanto, dormirão mais rápido, é pura mentira. Quanto mais cansados eles ficam, maior a quantidade de cortisol – hormônio do estresse – presente no sangue, e maior será a sua dificuldade em relaxar ou manter o sono tranquilo.

Tecnologia

Não tem problema nenhum em usar a tecnologia como forma de diversão, mas tudo tem a sua hora. Esses aparelhos são estimulantes, ou seja, informam ao cérebro que a glândula pineal deve diminuir a produção de melatonina, que é o hormônio responsável para induzir o sono. Isso é o oposto do que precisamos.

Iluminação

De nada adiantarão as dicas anteriores se o ambiente não for acolhedor e relaxante. O quarto tem que adequar todos os elementos para ser acolhedor. A luz é essencial nesse processo. Na hora de dormir, deixe uma luz azulada bem fraca, como a luz do luar.  Isso pode servir de apoio, caso a criança precise ir ao banheiro ou se localizar durante a noite.

Dar o exemplo!

Não são só as crianças que precisam adequar o horário depois das férias e feriados, os adultos também! Para facilitar as coisas, os pais podem dar o exemplo e participar da rotina dos filhos. Não custa nada e ajuda muito as crianças nesse período de adaptação.

 

WhatsApp (85)99659-9297
Instagram @soninhodeanjo.ce 
Face Facebooksoninhodeanjo.ce
Email: soninhodeanjo@hotmail.com

Atenciosamente,

Mirian Melo
Consultora do Sono Materno-Infantil
Pós-Graduanda em Saúde Materno-Infantil
WhatsApp (85)99659-9297

 

 

 

https://paisefilhos.uol.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *